Sign In
/pt-pt/PublishingImages/Paginas/PremioCapitalHumano2020/Grants%20IN.jpeg

​The EEA Grants / Norway Grants (Financial Mechanism of the European / Norwegian Common Area) launch a second call for proposals for initiatives aimed at guaranteeing access to employment, education or training, providing € 11.5 million for this purpose.

13-11-2020

O desemprego entre os jovens é um desafio europeu comum que os coloca em risco de pobreza, impede-os de participarem plenamente na sociedade e pode prejudicar a saúde, bem-estar e futuro profissional. São necessárias soluções europeias comuns.

Em 2017, a Islândia, o Liechtenstein e a Noruega criaram o Fundo para o Emprego Jovem, com 60,6 milhões de euros para ajudar entidades em toda a Europa a encontrar novas formas de enfrentar o problema. O Fundo apoia atualmente 25 projetos que promovem o emprego sustentável e de qualidade para jovens em 15 Estados beneficiários dos 
EEA Grants /Norway Grants, bem como na Irlanda, Itália e Espanha.

O concurso agora lançado tem 3 áreas principais de apoio:

  • Inovação e exploração:  projetos que visam soluções novas e experimentais para combater o desemprego entre os públicos-alvo e aumentar o número de empregos sustentáveis para os jovens.

  • Transferência de conhecimento e boas práticas:  projetos que se concentram na transferência de know-how e boas práticas em iniciativas de emprego jovem nos países europeus, com o objetivo de criar mais empregos de qualidade e reduzir as taxas de desemprego entre os jovens dentro dos públicos-alvo.

  • Análise e pesquisa:  redes transnacionais de investigação que partilhem ideias, teorias, práticas e experiências sobre como avaliar e realizar estudos de impacto de iniciativas destinadas a abordar o emprego jovem. Candidaturas conjuntas de instituições de investigação que pretendam aumentar a capacidade apoiando candidatos a doutoramento no campo de estudos de impacto. Análises e avaliações transnacionais de intervenções destinadas a NEET (not in employment, education or training) mais velhos (25+), mães NEET jovens, desempregados de longa duração e grupos desfavorecidos, bem como a investigação sobre os efeitos da pandemia COVID-19 nos públicos-alvo são prioridades específicas do Fundo.

Podem solicitar financiamento as entidades públicas ou privadas, organizações comerciais ou não comerciais e não governamentais desde que estabelecidas como entidades jurídicas.

Quaisquer questões deverão ser colocadas pelo e-mail  eeagrants@ecorys.com. A proposta deve ser submetida eletronicamente através do sistema do Operador do Fundo (Ecorys Polska/JCP) sendo necessária a inscrição no sistema EGREG. O prazo para a apresentação de candidaturas termina a  5 de janeiro de 2021, às 12h00, hora de Bruxelas.

Através do Acordo do Espaço Económico Europeu (EEE), assinado em maio de 1992, no Porto, a Islândia, o Liechtenstein e a Noruega, tornaram-se parceiros no mercado interno com os Estados-membros da União Europeia.

Como forma de promover um contínuo e equilibrado reforço das relações económicas e comerciais, as partes do Acordo do Espaço Económico Europeu estabeleceram um Mecanismo Financeiro Plurianual, conhecido como EEA Grants, através do qual a Islândia, o Liechtenstein e a Noruega apoiam financeiramente os Estados membros da União Europeia com maiores desvios da média europeia do PIB per capita, onde se inclui Portugal.


Fonte: EEA Grants

  • < back to news