Sign In
/pt-pt/PublishingImages/Paginas/PremioCapitalHumano2020/1_PT2020_meta%20de%2071%20cumprida_IN.jpeg

​​The final calculation of values on the last day of the year reveals that the execution rate of European funds in Portugal 2020 (PT 2020) reached 71%, surpassing the goal for 2021, of 69%. On November 30, the execution of HC OP had already reached 81%, the highest of the programs financed by PT 2020.

04-01-2022

Na conferência de imprensa do Ministro do Planeamento, Nelson de Sousa, na qual participou o Secretário de Estado do Planeamento, Ricardo Pinheiro, no passado dia 29 de dezembro, já tinha sido anunciado o cumprimento do objetivo nacional que garantiu a Portugal o segundo melhor ano de sempre em termos de aproveitamento de apoios comunitários.  O apuramento final dos valores do Portugal 2020 no último dia do ano eleva para 15 143 milhões de euros o montante já executado, a que corresponde uma taxa de execução de 71%. O valor dos fundos executados em 2021 foi de 3 736 milhões de euros.


Portugal chegou ao fim de 2020 com 53% de execução do Portugal 2020, dispondo ainda de três anos para o seu encerramento. O Governo estabeleceu como meta para 2021 a execução de mais 16%, outros 17% em 2022 e cerca de 13% em 2023. Serão, assim, garantidos os 100% de aproveitamento dos 25 mil milhões de euros disponíveis.

A meta de 16% para 2021 foi superada em dois pontos percentuais e o Ministro Nelson de Souza frisou que "mais do que atingir a meta, importa referir a qualidade da execução. A qualidade da execução mobiliza todos os atores e diversidade de executores dos fundos estruturais em Portugal". O POCH contribuiu para este desempenho global, chegando aos 100% da sua meta de execução para este ano, com um valor total de Fundo Social Europeu executado de 373 milhões de euros.

O ministro reconheceu que, apesar dos programas temáticos e dos programas regionais das regiões autónomas terem uma execução acima da média nacional, como no caso do PO CH  - programa com a maior taxa de execução no conjunto do PT2020 - em que essa taxa estava já nos 81% no fim do mês de outubro, há programas mais atrasados pelo que o desafio ainda não está ganho. Com 30% para executar nos próximos 2 anos, considera que se foram atingidos 17% de execução este ano, não haverá razão para que não se consiga os 15% em média, nos últimos dois anos disponíveis.

Aceda aqui à apresentação.

Aceda aqui à notícia da AD&C.


  • < back to news