Iniciar sessão
/pt-pt/PublishingImages/Paginas/PremioCapitalHumano2020/Boletim%20dos%20Fundos%2021.jpeg

​No fim do segundo trimestre deste ano a taxa de compromisso do Portugal 2020 atingiu os 95% e a  taxa de execução os 50%. No domínio temático do Capital Humano, o POCH merece destaque com 69% de taxa de execução.

31-07-2020

A 30 de junho de 2020, a maior taxa de execução (relação entre a despesa validada e programada) dos PO Temáticos do Portugal 2020 era a do POCH, sendo também a segunda maior dos Programas financiados pelos fundos europeus da política de coesão (Fundo Social Europeu/FSE, Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional/FEDER e Fundo de Coesão), com 69%. À sua frente apenas o Programa de Desenvolvimento Rural dos Açores com 71%. A taxa de execução do POCH é assim bastante superior à média do PT 2020, nos 50%.


A taxa de Compromisso (relação entre a despesa aprovada e programada) do PO CH registou uma evolução de 2,8 p.p. em relação a março de 2020 e atingiu, em junho de 2020, os 97%, ocupando assim a terceira posição entre os PO do PT 2020 e acima da média do Portugal 2020 que se situa nos 95%.


O valor de fundos aprovados no Portugal 2020 atingiu os 24,7 mil M€, destinados a financiar operações de investimento elegível no valor de 42,5 mil M€. A taxa de financiamento média sobre o investimento elegível situa-se em 65,5%. O domínio do Capital Humano com 16% do total de fundos aprovados, ocupa a segunda posição, atrás da Competitividade e Internacionalização com 37%.

O volume de compromisso financeiro traduz-se em importantes realizações nos diversos domínios temáticos do Portugal 2020, dos quais destacamos o domínio do Capital Humano, onde, segundo o boletim, até ao final de junho de 2020 foram apoiados mais de 265 000 jovens em vias profissionalizantes (básico e secundário), mais de 64 000 adultos em modalidades de longa duração e de dupla certificação, 4 500 bolseiros em ações de formação avançada e 488 infraestruturas intervencionadas.

Ao nível do Portugal 2020, no final de junho do corrente ano, estavam efetuados pagamentos aos beneficiários no montante de 13,9 mil M€ de fundos, 54% da dotação total de fundos do Portugal 2020. Do volume de pagamentos efetuados, o domínio da competitividade e internacionalização regista a maior concentração de pagamentos com 4 484 M€, seguido dos domínios do capital humano com 2 759 M€ e do desenvolvimento rural com 2 747 M€.

A Comissão Europeia  já transferiu para Portugal perto de metade do valor programado no Portugal 2020 (46,5%). Portugal registava assim, a mais elevada taxa entre os países com envelopes financeiros acima de 7 mil M€‚ 6,6 pontos percentuais acima da média da União Europeia (39,8%).

Para saber mais consulte aqui o Boletim Informativo dos Fundos da União Europeia n.º 21.

Fonte: AD&C
  • < voltar a notícias